Carne Nunca Mais
Pé-na-porta contra os robozinhos do sistema

Canoas/RS: carroceiros espancam égua exausta e se juntam para tentar surrar protetora


Sr Prefeito de Canoas

Venho através deste expressar minha indignação como cidadã e voluntaria da proteção animal desta cidade.

Na tarde de hoje por volta das 18.30 horas recebi um telefonema da Sra. Silvia moradora da rua araça realtando que nesta mesma rua encontrava-se uma carroça atolada de lixo e que o cavalo não conseguia se mexer devido talvez ao esforço do dia,ja exurido pelo trabalho,a mesma tentou conversar e pediu ao carroceiro que esvaziasse um pouco a carroça pois o animal parecia cansado e o mesmo não conseguia puxar a carroça,o mesmo mostrou a ele um papel dizendo-se dono do animal e que não estava se importando com isto.

Pedi a mesma que entrasse em contato com o 190 e pedisse que a viatura identificasse o proprietário do animal e que ela fizesse um BO.
Minutos mais tarde a mesma me ligou novamente dizendo que a viatura estava atendendo tambem uma ocorrencia de maus tratos à cavalo no bairro Mathias Velho e que apos esta eles iriam ao local.

Após esta segunda ligação me dirigi ao local e la chegando constatei que a carroça se encontrava em cima da calçada e o animal magro e com marcas de machucados algumas cobertas com spray mata bicheiras realmente não saia do lugar,então pedi novamente ao senhor que o mesmo retirasse a carga da carroça pois os varaus da mesma estavam em cima das orelhas do animal pelo que se constata que realmente esta muito pesada,para minha surpresssa o senhor desatrelou a carroça e disse podem ficar com esta porcaria a prefeitura me deu e ela não presta para puxar carroça!!!!!!!!Chamei então o funcionário da Aprocan para que viesse recolher o animal e nada da BM.

Gente ele saiu e em poucos minutos a via estava tomada de carroças!!!!As mulheres vieram pra cima de mim de relho com correntes em punho e uma gravida à frente me empurrando e sabia ela que eu não podia me defender,falaram que a prefeitura doou e que tinham mais 4 em casa e que EU não levaria a Egua poius elas iriam trocar aquela (M…..)no Canil e que estavam acostumados a ganhar cavalos para carroça e que ninguem se importava com isto.

O barraco foi tão grande que ninguem imagina,gente baixa,com palavras de baixo calão aos gritos por cima das calçadas de carroça e sairam rumo a o bairro Rio Branco espancando de relho a pobre Egua,ainda me entregaram o documento que tenho em mãos assinado pela diretora da Vigilancia doando o animal que tinham recolhido faziam 7 dias apenas.
Não tenho palavras para descrever o que aconteceu!!!!Tamanha indignação pela falta de respeito com o pobre animal,tambem pela falta de leis nesta cidade e falta de policiamento o que certamente teria coibido esta ação de Vandalos, criminosos que ainda são beneficiados com o sofrimento dos animais.

Amanhã com certeza vou registrar um BO sobre o fato ocorrido e responsabilizar tambem o Canil por ser conivente com maus tratos à animais.
Quem fez a vistoria para saber o local onde este animal iria ficar?Porue a lei que autoriza o canil a doar este animal apreendido em via publica funciona para as doações do mesmo e não funciona para outros itens que constam na mesma lei??? Porue cocheiras são proibidas em zonas residenciais e a pref.doa animais de grtande porte para estes endereços?
Se o local onde o animal foi recolhido se chama CCZ como diz a coordenadora e so trabalha com zoonoses e não atende maus tratos e animais agonizantes,porque este animal foi recolhido para la e quando precisar ser atendido ou estiver agonizante não vai receber nenhum tratamento.

São perguntas que ninguem sabe responder?

Aguardo por providencias imediatas sobre este animal.

Eliane tavares
F.: 51 8422-3899
CANOAS/RS

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: