Carne Nunca Mais
Pé-na-porta contra os robozinhos do sistema

Bactéria em carne moída mata dois e deixa 28 doentes nos EUA

Ao menos duas pessoas morreram e outras 28 ficaram doentes em um surto de infecções causadas pela Escherichia coli, uma bactéria intestinal, detectada na carne moída, afirmou o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, citado em reportagem da rede de TV CNN.

Segundo o boletim do centro, 16 pessoas foram internadas e três desenvolveram falência dos rins pela contaminação da bactéria.

Entre as 28 pessoas infectadas, oito estão em Massachusetts; quatro em Connecticut, quatro em New Hampshire; dois em Maine; dois na Pensilvânia; dois em Dakota do Sul; um na Califórnia; um em Maryland; um em Minnesota; um em Nova Jersey; um em Nova York e um em Vermont.

A mesma Escherichia coli, foi responsável, há cerca de um mês, por um surto de infecções ligado ao consumo de massa crua de biscoito, principalmente da marca Nestlé Toll House –que havia voltado às prateleiras depois de dois meses sem circular enquanto os executivos tentavam identificar a causa da contaminação.

O Departamento de Agricultura dos EUA anunciou na semana passada, segundo a CNN, que a Fairbank Farms, em Nova York, estava fazendo o recall de milhares de quilos de produtos com carne moída possivelmente infectada.

Em junho deste ano, uma filial da brasileira JBS-Friboi nos EUA iniciou o recall de mais de 191 toneladas de carne devido a uma possível contaminação pela mesma bactéria.

O Departamento americano pediu que os consumidores tomem precauções ainda maiores no preparo de alimentos com carne moída e que apenas consumam a carne se cozida em temperaturas acima de 70 graus Celsius.

Bactéria

A bactéria, que vive no intestino de animais e humanos, pode contaminar solos e águas que entram em contato com fezes.

A bactéria provoca diarreia, frequentemente com sangue. Embora muitos adultos saudáveis possam se recompor completamente em uma semana, em algumas pessoas a contaminação causa problemas renais.

A presença da E. coli é um indicador de poluição fecal.

Fonte: Folha Online

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: